domingo, 1 de março de 2009

Polícia para quem precisa!

Enquanto nas praias o único barulho que se ouvia era o das ondas, em algum lugar na rua, atrás da casa onde eu estava hospedada, o único barulho que se ouvia era o Arrocha, um ritmo musical que segue os passos do axé music. Muito, mais muito piorado. E o pior: faz o maior sucesso por lá.

Para quem não conhece ou nunca ouviu falar, essa belezinha de "som" é algo um pouquinho pior que Victor e Leo, Calipso, É o tchan e tantos outros do gênero.
Bastava eu chegar da praia bem de tardinha, doida para dormir um pouco, que a tal musica começava. E não tem coisa que me tire mais do sério do que uma música chata.
Bom, por conta disso e de não ter disk silêncio naquele lugar, eu e mais uma amiga ligamos para polícia. Só eu mesmo para reclamar em plena Bahia do barulho de carnaval!

Detalhe: era a terceira vez que eu ligava para polícia.
1º vez: Minha amiga Millena que iria chegar no sábado às 20h30min, só apareceu na madrugada de domingo. O ônibus quebrou, mas até eu saber disso a polícia foi acionada.
2º vez: Minha outra amiga XXXX, não tinha chegado em casa quando acordei para tomar café, e a última notícia que eu tinha tido era que ela estava num forró na noite anterior. Polícia acionada novamente.
3º vez: O tal carro de som na rua atrás da casa que não me deixava dormir, com músicas de letras obscenas. Sim, essa foi a reclamação! Polícia acionada.

Bem, fiquei sabendo em minha última reclamação, que em Itacaré não tem viatura policial. Hum??? Sério! E não sei se foi por coincidência ou não, depois de dois dias seguidos, o carro que tocava arrocha resolveu mudar de rumo... Acho que ele viu que ali não era sua praia.

2 comentários:

Renata Nogueira disse...

Você está se transformando numa velha ranzinza, hein Beta!
Quem é mais velha de nós duas mesmo??
rs

boneca de pano disse...

Roberta, ao contrário da sua mana, eu concordo com você em gênero, número e grau!!!

Eu sou bem tranquila, e gosto muuuuiiito de curtir um soninho depois da praia, curtir a praia com o sonoro chuáá, chuáá, das ondas, e o burburinho do bate papo...

Infelizmente eu não tenho esse sossego há muitos anos na Bacutia...

Bons tempos aqueles... kkkkkk


Beijos mill, e adorei a dica do condomínio, guria!!!